Sindical se reúne com o secretário-geral da CLDF para tratar sobre Fascal

A diretoria do Sindical se reuniu, na tarde de ontem (26), com o secretário-geral da Câmara Legislativa, Marlon Cambraia, para conversar sobre a possível privatização do Fascal. Os representantes do sindicato foram pedir que a direção da Casa não tome qualquer decisão sobre o plano de saúde dos servidores, pelo menos até que seja realizado o cálculo atuarial que apontará a situação financeira do fundo.
Marlon garantiu que o Fascal não sofrerá alterações até que seja apresentado o resultado final da consultoria atuarial e afirmou que o trabalho deve demorar alguns meses. O Sindical será informado sobre o andamento do trabalho e participará das próximas discussões sobre o futuro do plano.
Na manhã desta quarta-feira, a diretoria estará em reunião com o vice-presidente, Rodrigo Delmasso e, até o final da semana, deve se encontrar também com o presidente da Casa, Rafael Prudente.