Mesmo com nova convocação, CLDF tem déficit de 400 servidores

Compartilhe!

Metropoles – Mesmo convocando os 86 candidatos aprovados no último concurso público, a Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) enfrenta déficit de aproximadamente 400 servidores públicos no quadro de pessoal.

A falta de mão de obra foi diagnosticada no próprio concurso. Em função de limitações orçamentárias, as provas selecionaram apenas 86 concorrentes. E, segundo o departamento técnico da Casa, o déficit mapeado à época permanece o mesmo.

Nessa segunda-feira (26/10), a Casa realizou a cerimônia de posse de 46 aprovados, completando 70 empossados. No evento, o presidente da CLDF, deputado Rafael Prudente (MDB), anunciou a convocação dos últimos 16 aprovados no certame que ainda não tomaram posse.

Prudente planeja oxigenar e modernizar o quadro de pessoal da Câmara com servidores concursados. Neste sentido, junto à Mesa Diretora da Casa, pretende lançar um Plano de Aposentadoria Incentivada nas próximas semanas.

Segundo cálculos do corpo técnico legislativo, aproximadamente 118 servidores da Câmara estão com idade para a aposentadoria.

 CADASTRO DE RESERVACaso o projeto tenha êxito, será possível chamar os candidatos inseridos no cadastro de reserva do concurso. Pelas contas dos aprovados, o grupo tem aproximadamente 350 nomes.

Conforme o segundo-secretário da CLDF, deputado Robério Negreiros (PSD), a Casa precisa fortalecer o quadro de pessoal. “Que a gente possa traçar um caminho para chegar no cadastro de reserva”, sugeriu, no decorrer da cerimônia de posse.

Durante a cerimônia de posse, o presidente do Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo e do TCDF (Sindical), Jeizon Allen Silvério, também destacou a importância de convocação do cadastro reserva.

“Há sempre uma esperança de nós ingressarmos no cadastro de reserva. Não para a gente encher a Câmara de servidores, mas para suprir essas centenas de vagas”, afirmou.

As nomeações também são fruto do bom desempenho orçamentário da Casa: as contas estão dentro dos parâmetros da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Francisco Dutra